4.4.10

COMIDA CRUA E VIVA by Kristin Slaby

A aula de comida crua a viva na Escola Wilma Kovesi que participei foi o máximo. A filosofia e estilo de vida do alimento cru/vivo é holistica. Para os que não sabiam como eu, os alimentos considerados cru/vivo são as verduras, legumes, frutas, nozes organicas, alem de sementes e grãos germinados que contem enzimas vivas. As enzimas agem como catalizadores que quebram as gorduras, carboidratos e proteinas. São cruciais para a digestão, eliminação e fornecimento de nutrientes. Aprendi 7 preparos deliciosos.
A aula foi dada pela simpática Kristin Slaby que já foi uma designer textil e hoje é uma prop stylist de fotos de comidas. Aqui ela mostra a maravilhosa torta de cacau com musse de chocolate feita com abacate (no lugar do creme de leite) coberta com mangas e kiwi.
De entrada ela preparou esse pate de cogumelos (shimeje, portobello, paris e porcini) e pignoles com torradinhas especiais de linhaça da Crulinária.

Experimentamos o espaguete de abobrinha com os molhos de tomate e pesto. Tudo cru, muito saboroso!

Foi também servido um bisque de azedinha e espinafre em taças de vidro. Resfrescante e saudável. Pedi especialmente para vocês a receita porque combina bem com nosso clima.

BISQUE DE AZEDINHA E ESPINAFRE
2 xicaras de leite de castanha de cajú
2 xícaras de folhas de espinafre "baby"
1 xicara de folhas de azedinha (se não encontrar coloque 1 xícara de espinafre, 1 colher de sopa de suco de limão e 1 colher de sopa de raspa de limão)
3 colheres de sopa de misso
1 colher de sopa de cebolinha francesa picada
1 colher de sopa de cebolinha verde picada
1 dente de alho ralado
2 colheres de sopa de limão siciliano
sal marinho a gosto
pimenta do reino, de preferencia moida na hora

No processador ou liquidificador potente coloque o leite de cajú, as folhas de espinafre e azedinha.

LEITE DE CASTANHA DE CAJU ( pode-se fazer com amendoas, macadamia, mas castanha do pará ainda não testamos)
rendimento de 2 a 3 xícaras

1 xícara de castanha de cajú crua, demolhada em 3 e 1/2 xícaras de água mineral por 30 minutos a 2 horas
Coe a castanha demolhada. coloque em um potente liquidificador com 2 e 1/2 xícaras de água mineral e bata até obter uma textura lisa. Coe em um pano bem fino (fralda ou pano de prato) e reserve em geladeira para outros usos.Outra opção e fazer cubos de gelo e armazenar no freezer para uso posterior. Com a castanha que sobrou no pano, use-a em bolos ou torre-a e coloque na granola com iogurte.

ONDE
Escola Wilma Kovesi de Cozinha
Rua Cristiano Viana, 224
Pinheiros - SP
Tel. 3082 9151

Livro: Living Cuisine - Renéee Loux Underkoffler

TENMAN-YA
Rua dos estudantes, 19
Liberdade - SP
Tel. 3209 9960

CRULINÁRIA (Torradas de linhaça)
Tel. 14 3814 3377
crulinaria@yahoo.com.br

fotos arquivo pessoal

3 comentários:

Alice Freire disse...

Oi querida! Parabéns pelo blog, muito muito legal!!!
Vou acompanhar com certeza! adoro cozinhar...
Comida viva é o máximo! conheço um pouco... quero mais!!!
Vou tentar o espaguete de abobrinha e depois comento!
beijos Alice

tutu galvao bueno disse...

Alice querida, adorei seu comentario.O espaguete de abobrinha é servido frio com os molhos de tomate e pesto de manjericão. Tudo uma delicia. Depois me conte como saiu.Quero te ver mais vezes aqui, bjs Tutu

patricia disse...

eu comprei as bolachas da crulinária,MTO BOAS!!principalmente a de sabor pizza.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...