1 de maio de 2015

SAGU DE UVA - RECEITA DO RESTAURANTE SPOT




Hoje em casa é dia de festa! Haverá comemoração antecipada do dia das mães. Para uma celebração tão importante como essa e para agradar a mãe nada mais simpático do que servir na hora da sobremesa um doce que lembra infância e aconchego como o sagu de uva. A origem desse doce vem do sul do Brasil e a receita é do restaurante Spot, um dos meus favoritos.

SAGU DE UVA
Rende de 10 a 12 taças

Ingredientes para o sagu
1 ½ xícara de chá de vinho cabernet sauvignon
1 ½ xícara de chá de água
65 g de sagu de tapioca
¾ xícara de chá de açúcar
1 pau de canela pequeno
1 cravo-da-índia

Ingredientes para o creme inglês
250 ml de leite
1 fava de baunilha com um corte não profundo no sentido do comprimento
250 ml de creme de leite fresco
6 gemas
1/2 xícara de chá de açúcar

Modo de preparo do sagu
Numa tigela, coloque o vinho e a água, mexa e depois acrescente o sagu, deixando de molho por uma hora. Transfira a mistura para uma panela, junte o açúcar, a canela e o cravo e leve ao fogo baixo, mexendo de vez em quando, até ficar translúcido e cozido (levará cerca de 20 minutos). Deixe amornar e distribua em taças. Quando esfriar, cubra com filme plástico e leve à geladeira.

Modo de preparo do creme inglês
Coloque o leite, a baunilha e o creme de leite fresco numa panela e leve ao fogo baixo até quase ferver. Descarte, então, a fava de baunilha.
Bata as gemas com o açúcar com um batedor de arame. Junte metade do leite às gemas, batendo sem parar, e depois misture com a outra metade do leite. Leve ao fogo baixo e mexa sem parar com uma colher de pau até engrossar (não deixe ferver).

Deixe esfriar e leve à geladeira. Na hora de servir, cubra as taças com o creme.

Se tiver interesse em visitar no Blog matéria sobre o Sagu de uva SEM AÇÚCAR do Restaurante Celeiro click AQUI
  •  foto site uol 
.

22 de abril de 2015

FRIGIDEIRA DE LULA - Receita de Bella Masano, do Amadeus




Adoro publicar no Blog receitas de chefs que admiro. A Bella Masano, que assina essa receita para a Revista Casa e Comida é proprietária do restaurante Amadeus especializado em peixes e frutos do mar.

O Amadeus tem 28 anos e começou com um sonho de seus pais, Tadeu e Ana. O espaço era como uma extensão da sua sala de jantar.  Bella cresceu dentro do restaurante, mas não pensava em se envolver profissionalmente. Passou parte da adolescência pensando em ser médica, mas depois de um curso no Cordon Bleu onde foi estudar porque apenas gostava de cozinhar começou a dar uns palpites no cardápio e foi se envolvendo de maneira muito natural na cozinha do restaurante.  O Amadeus já era um restaurante consagrado e ela tinha apenas 20 anos. Aos poucos foi implementando mudanças e imprimindo de forma gradual seu estilo no cardápio.

A receita da frigideira de lula é para ser feita em 10 minutos e pode ser acompanhada apenas de arroz e uma salada. Você pode fazer em casa, mas se você for fazer uma comemoração especial vale a pena  ir até o restaurante e experimentar a variedade de pratos que oferecem de peixes e frutos do mar. Está localizado na região dos Jardins.

FRIGIDEIRA DE LULA
Rende 4 porções
Tempo de preparo 10 min

Ingredientes
500 g de lula fresca (corpo cortado em anéis e tentáculos);
12 cogumelos-de-paris frescos;
6 dentes de alho, picados;
6 colheres  de sopa de azeite;
Limão a gosto;
Sal e pimenta-do-reino;
Brotos de ora-pro-nóbis.

Modo de fazer.
1. Tempere as lulas com sal e pimenta-do-reino;
2. Em uma frigideira, esquente bem o azeite e refogue as lulas, em seguida o alho, e depois os cogumelos. Deixe em fogo alto por pouco mais de um minuto (se fritarem muito, as lulas perdem a maciez).
3 Pingue algumas gotas de limão, adicione os brotos de ora-pro-nóbis e sirva imediatamente.
  • Foto Revista Casa e Comida

31 de março de 2015

PEIXE BRANCO CAIÇARA - por Renata Vanzetto





Sou admiradora da Chef Renatta Vanzetto, proprietária dos restaurantes Marakuthai e Ema. Essa semana merecidamente ela foi capa do Guia da Folha cujo o tema eram receitas de peixes para a Páscoa. Gostei muito de sua sugestão pois envolvia poucos ingredientes e o peixe em questão não era o bacalhau e sim um peixe branco aquele mais fresco que encontrar no dia que for comprar. Na cozinha você irá temperá-lo e envolve -lo em um folha de couve e assar no forno. Muito simples. Humm já deu para sentir que estará delicioso na mesa pois o peixe será cozido no vapor e não perderá seus sulcos.

Vamos experimentar?

PEIXE BRANCO CAIÇARA
Por Renata Vanzetto
Rende 4 porções

Ingredientes
1 file branco sem pele (600 g)
2 limões cravo ou tahiti
sal a gosto
 pimenta do reino a gosto
6 folhas de couve
4 colheresde sopa de azeite

Modo de preparo
1. Ligue o forno a 240˚ C;
2. Tempere o peixe com sal, pimenta e limão;
3. Envolva o file na folha de couve e regue com azeite;
4. Asse em forno pré aquecido por 20 minutos;
5. Sirva em seguida.

Veja as outras sugestões de receitas para a Páscoa clicando AQUI

  •  foto One Health Mag
.

22 de fevereiro de 2015

TZATZIKI - IOGURTE COM PEPINO E DILL - VEFA'S KITCHEN





Uma das delicias que provei em viagem a Turquia foi o Tzatziki, molho a base de iogurte, pepino japonês, dill picado, alho, azeite e sal servido obrigatoriamente numa mesa de MEZE como acompanhamento para pão, torradas e legumes crus.

Um pedido de  meze num restaurante da Turquia, Grécia e outros países da região pode se compor de uma variedade de pratos frios e quentes, grande parte feita no azeite que acaba se transformando em uma refeição completa, deliciosa e muito saudável.

Ontem, em um delicioso almoço na casa de amigos tive a oportunidade de provar o Tzatziki preparado pela dona da casa que tem familiares gregos. Estava divino acompanhado de torradas e cenouras cruas. Hoje pela manhã não resisti e  adaptei na minha cozinha a receita do tradicional livro de culinária grega Vefa's Kitchen, famoso por levar alimentação mediterrânea cheia de elementos frescos e receitas práticas.  Aqui eu compartilho com vocês a minha experiência.

TZATZIKI - molho de iogurte com pepino e dil
Adaptado por Tutu Galvão Bueno

Rende 2 ½ xícaras (600 ml)  

Ingredientes
3 xícaras de iogurte natural – 750 ml
2 pepinos japoneses, sem pele, ralado no ralador para batata palha
1/2  dente de alho pequeno ralado fino
¼ de colher de chá de sal (ou menor quantidade)
2-3 colheres de sopa de azeite de oliva
3 colheres de sopa de dill fresco picado

Utensílio necessário
1 pano fino, musseline ou 1 fralda
2 peneiras

Modo de preparo

1. Na geladeira dentro de uma tigela, deixe o iogurte sobre uma peneira revestida com uma fralda para sorar (retirar o soro) por aproximadamente 6 horas (se usar o iogurte Yogus natural você pode pular essa etapa porque esse iogurte já está bem sorado);

2. Retire a pele dos pepinos e rale no ralador de batata palha, torça com outra fralda para sair a água e deixe por 2 horas sobre esse pano em cima de uma peneira para retirar o restante dessa água (vou ser sincera com vocês na pressa eu apenas torci e não deixei drenando e deu certo);

3. Transfira o iogurte sorado para uma outra tigela, misture com o pepino ralado, dill picado, alho ralado, azeite e sal;

4. Deixe gelando na geladeira.

  • agradecimentos especiais a Tamara Levy
  • foto arquivo pessoal
.

22 de dezembro de 2014

Desculpem, estou mais que atrasada com as receitas de Natal. Mas vamos lá pois não temos tempo a perder. Essa receita de peru de natal publicada no caderno Paladar do jornal Estadão é do chef Carlos Siffert que admiro muito. Tenho certeza que você vai arrasar e receber muitos elogios com essa preparação. O Carlos é consultor da Casa Santa Luzia, professor da Escola de Cozinha Wilma Kovesi e co-autor do livro  400 g - Tecnicas de Cozinha ( livro que todo cozinheiro precisa ter na sua biblioteca de sua cozinha). Todas as suas receitas são precisas e dão certo. Dei meu toque pessoal nessa receita colocando no interior da cavidade uma laranja ou morcota e ramos de alecrim ao invés da farofa para acentuar o toque cítrico que tanto aprecio.



PERU COM MOLHO DE JABUTICABA, BLACKBERRY E ACEROLA
De Carlos Siffert adaptado pelo Blog da Tutu Galvão Bueno

Ingredientes

1 peru de 4 kg, sem os miúdos
1 dente de alho cortado ao meio
1 pimenta picada
1/2 colher de chá de sal (e mais um pouco para temperar)
1 limão-tahiti; 1 cravo-da-índia
1 laranja ou morcota
2 xícaras de chá de salsão em cubinhos
2 cebolas picadas grosseiramente
1 alho-poró fatiado
Ramos de alecrim
2 xícaras de chá de vinho branco seco
¼de xícara de chá de vinagre balsâmico
50 g de manteiga sem sal, em temperatura ambiente
1/2 xícara de chá de cada uma das seguintes frutas: blackberry (ou de amora), jabuticaba e acerola

Modo de preparo

1. Esfregue a superfície do peru com metade do limão e sal. Lave-o por fora e por dentro com água fria e seque bem.
2. Misture alho, pimenta, sal, a outra metade do limão, cravo, salsão, cebola, alho-poró, o vinho e o balsâmico deixe o peru marinar na vinha d’alhos por 24 horas. Vire de vez em quando, mantendo a parte do peito por mais tempo na marinada. Escorra e seque de leve com papel. Reserve a marinada.
3. Coloque uma laranja furada na cavidade interior (eu, Tutu coloco uma morcota) e ramos de alecrim. Prenda a pele da ponta do peito com palito e amarre a ponta da coxa com barbante.
4. Tempere o peru com sal e pincele generosamente com a manteiga. Transfira o peru para uma assadeira grande e despeje a marinada em volta. Asse em forno médio por uma hora, descoberto, até dourar bem .
5. Regue com a marinada e cubra com papel-alumínio, e deixe no forno por mais três horas ou até que as coxas liberem líquido transparente quando espetadas por um garfo (se for rosado, ainda estará cru). Use água quente ou vinho branco se precisar.
6. Desligue o forno, transfira a ave para outra assadeira, e cubra-a com um novo papel-alumínio. Deixe no forno entreaberto.
7. Passe o caldo da assadeira por uma peneira, apertando bem e reserve 1/2 xícara de chá dele para o preparo de uma farofa.
8. Deixe reduzir a 2/3, retirando com uma concha a gordura da superfície. Junte uma parte das frutas amassadas com garfo (a outra parte use para decorara e tempere a gosto.
9. Cozinhe por mais meia hora em fogo baixo e peneire novamente, forçando para extrair o sumo. Se estiver líquido, volte ao fogo até engrossar um pouco.
10. Fatie o peru e sirva com uma farofa e as frutas inteiras. Sirva com o molho.

FAROFA DE PÃO

Ingredientes

1/4 de xícara de chá dos seguintes ingredientes: lascas de coco seco, bananas passas em fatias finas, abacaxi seco picado e castanha do para picado
1 pimenta dedo de moça picada
2 cebolas medias em cubos
1/4 de xícara de chá de salsinha picada
1/2 xícara de chá do caldo do cozimento do peru
6 xícaras de chá de pão branco sem casca em cubos medios secos no forno sem corar
1 xícara de chá de salsão picado em cubinhos
150 g de manteiga sem sal
1/2 colher de sopa de tomilho fresco picado
Sal a gosto

Modo de preparo

1. Derreta a manteiga numa panela, adicione a cebola, o salsão e a pimenta. Refogue bem e quando tudo estiver dourado junte os cubos de pão e tomilho, tempere com sal;
2. Tire do fogo, junte a salsinha e as frutas secas. Sirva acompanhando o peru.

Aproveito para desejar a todos um lindo Natal com seus mais próximos e queridos Familiares e amigos em volta da mesa. Que 2015 traga muita esperança e tempos melhores. Beijo carinhoso.

.

12 de novembro de 2014

FLORES DE ABOBRINHA E UM DELICIOSO PENNE - RECEITA ADAPTADA DO CHEF GENNARO CONTALDO




Sempre admirei as coloridas e lindas flores da abobrinha e por duas vezes tive a oportunidade de experimenta-las sempre na forma recheada com queijos, empanada e frita. Não me agradava a maneira como era apresentada pois a beleza e seu colorido eram chamuscados em banho de gordura. Nesse ultimo fim de semana tive a chance de ir pela primeira vez na feira organica do Shopping Villas Lobos que apesar de pequena é simpática. Em uma da bancas de verdura lá estavam as flores de abobrinhas me chamando para a panela e para um novo desafio. De volta para casa corri para a minha modesta biblioteca pesquisar e encontrei uma receita do chef italiano Gennaro Contaldo, mentor e ídolo de Jamie Oliver que a apresenta partida ao meio numa massa salteada com alho, anchovas, abobrinha e folhas de manjericão. Preparei imediatamente para o almoço. Ficou divivo, muito leve e saboroso o prato!!!!! Decorei com pimentas rosa fresquíssimas recém adquiridas do Projeto Aroeira. Aqui vai a receita para vocês.


 
PENNE DE FLORES DE ABOBRINHAS
Adaptação feita por Tutu Galvão Bueno
Para 4 pessoas

Ingredientes
8 colheres de sopa de azeite de oliva
2 dentes de alho
2 files de anchova
2 cebolas pequenas em fatias finas
2 abobrinhas pequenas fatiadas somente a casca nos 4 lados no sentido do comprimento e depois em pedaços menores de 1,5 cm
16 flores de abobrinha cortadas ao meio
20 folhas de manjericão
Sal e pimenta do reino
300 g de massa seca penne
30 g de parmesão de boa qualidade ralado na hora

Modo de preparo
1. Aqueça os alhos no azeite até dar uma cor e remova-os;
2. Adicione as anchovas e dissolva com auxilio de uma colher;
3. Adicione as cebolas e deixe suar; acrescente as abobrinhas;
4. Salteie na frigideira rapidamente (30 segundos), teste o sal e a pimenta. Reserve.
5. Enquanto isso cozinhe a massa e deixe ela al dente, escorra, adicione a massa ao molho, misture bem no queijo parmesão, sirva imediatamente com um fio adicional de azeite de oliva, adicione as flores de abobrinhas e as folhas de manjericão.
foto arquivo pessoal (com muito orgulho da foto das flores da abobrinha, hehehe)

.

28 de outubro de 2014

TAPIOCA RECHEADA COM BERINJELA ASSADA E OVOS COZIDOS





Olá queridos seguidores do Blog. Apesar de não andar muito assídua sempre estou em busca de receitas, exerimentos e dicas para postar para vocês. Estive viajando recentemente para a Turquia e lá tive contato com a cozinha da chef Diden Senol que muito tem me inspirado. Ela comanda o restaurante Lacanta Maya. No seu livro chamado Aegean Flavors ela dá a receita de um sanduiche de pão com recheio de berinjela e queijo de cabra. Fiz em casa e ficou divino. Achei que berinjela na tapioca ficaria muito bom também. E não é que deu certo mesmo!!!!! Viciei. Tenho preparado no café da manhã junto com um ovo mole. Recomendo experimentar.

TAPIOCA RECHEADA COM BERINJELA ASSADA E OVOS COZIDOS
Blog Tutu Galvão Bueno
Para 1 pessoa

Ingredientes para o recheio de berinjela
1 berinjela média
Azeite
Sal
Folhas de manjericão ou orégano ou erva de sua preferência
1 ovo

Ingredientes para a tapioca
3 colheres de sopa de goma para tapioca da marca AKIO

Modo de preparo do recheio

1. Colocar a berinjela inteira na chama do fogão e com auxílio de uma pinça de metal ir queimando a casca, virando de todos os lados;

2. Enquanto ainda estiver quente a berinjela retire a casca queimada com auxílio de um garfo e amasse a polpa. Tempere com ervas, sal e reserve.

Modo de preparar a tapioca

1. Numa frigideira quente antiaderente deixe passar por uma peneira 3 colheres de sopa da goma da tapioca formando um disco;

2. Depois de 1 minuto, vire o outro lado deixe mais 1 minuto e já está pronta.

Modo de preparo do ovo quente

Colocar o ovo numa panela com agua em fogo alto e deixar por 7 minutos, a contar do momento que ligou a chama do fogo. Derramar sobre a tapioca. Hummm.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...